Blog » Aplicações » Sensores na Indústria 4.0

SENSORES NA INDÚSTRIA 4.0

Em Abril de 2021, o termo Indústria 4.0 completou 10 anos de seu lançamento. O termo se originou a partir de um projeto de estratégias do governo alemão voltadas à tecnologia, de forma que foi usado pela primeira vez na Feira de Hannover em 2011. Porém, muito além de um simples conceito recente, a Indústria 4.0 remonta ao surgimento de tecnologias que vêm mudando definitivamente a relação do ser humano com a sua forma de produzir.

Também chamada de Quarta Revolução Industrial, esta nova maneira de fazer da indústria une a capacidade de operação em tempo real com a tomada de decisão virtualizada, por meio da chamada Internet of Things (IoT) e da tecnologia Big Data. Dessa maneira, é possível ressignificar o nível e a qualidade da produção para patamares surpreendentemente mais elevados que os anteriores. A seguir, é possível compreender melhor a evolução deste processo ao longo do tempo:

Nesta tendência inserem-se os Sensores e Sistemas de Visão Industriais mais modernos, que apesar de serem conceitos mais antigos à Indústria 4.0 possuem uma proposta capaz de tornar mais ágil e inteligente uma linha produtiva por meio da Visão Computacional aliada à Inteligência Artificial.

Os Sistemas e Sensores de Visão são tecnologias que se integram em muito com a proposta trazida pela Indústria 4.0, já que oferecem um controle visual eficiente sobre determinado trecho da linha de produção, com a posterior tomada de decisão positiva ou negativa pelo Sistema. Assim, noções como Virtualização, Descentralização e Interoperabilidade, tão comuns à Quarta Revolução Industrial, são facilmente aplicáveis com estes dispositivos.

Ficou com alguma dúvida? Você pode compreender melhor o tema lendo mais artigos na nossa Biblioteca de Artigos sobre Sistemas de Visão.

CONTEÚDOS RELACIONADOS

PRODUTOS RELACIONADOS

Em Abril de 2021, o termo Indústria 4.0 completou 10 anos de seu lançamento. O termo se originou a partir de um projeto de estratégias do governo alemão voltadas à tecnologia, de forma que foi usado pela primeira vez na Feira de Hannover em 2011. Porém, muito além de um simples conceito recente, a Indústria 4.0 remonta ao surgimento de tecnologias que vêm mudando definitivamente a relação do ser humano com a sua forma de produzir.

Também chamada de Quarta Revolução Industrial, esta nova maneira de fazer da indústria une a capacidade de operação em tempo real com a tomada de decisão virtualizada, por meio da chamada Internet of Things (IoT) e da tecnologia Big Data. Dessa maneira, é possível ressignificar o nível e a qualidade da produção para patamares surpreendentemente mais elevados que os anteriores. A seguir, é possível compreender melhor a evolução deste processo ao longo do tempo:

Nesta tendência inserem-se os Sensores e Sistemas de Visão Industriais mais modernos, que apesar de serem conceitos mais antigos à Indústria 4.0 possuem uma proposta capaz de tornar mais ágil e inteligente uma linha produtiva por meio da Visão Computacional aliada à Inteligência Artificial.

Os Sistemas e Sensores de Visão são tecnologias que se integram em muito com a proposta trazida pela Indústria 4.0, já que oferecem um controle visual eficiente sobre determinado trecho da linha de produção, com a posterior tomada de decisão positiva ou negativa pelo Sistema. Assim, noções como Virtualização, Descentralização e Interoperabilidade, tão comuns à Quarta Revolução Industrial, são facilmente aplicáveis com estes dispositivos.

Ficou com alguma dúvida? Você pode compreender melhor o tema lendo mais artigos na nossa Biblioteca de Artigos sobre Sistemas de Visão.

Em Abril de 2021, o termo Indústria 4.0 completou 10 anos de seu lançamento. O termo se originou a partir de um projeto de estratégias do governo alemão voltadas à tecnologia, de forma que foi usado pela primeira vez na Feira de Hannover em 2011. Porém, muito além de um simples conceito recente, a Indústria 4.0 remonta ao surgimento de tecnologias que vêm mudando definitivamente a relação do ser humano com a sua forma de produzir.

Também chamada de Quarta Revolução Industrial, esta nova maneira de fazer da indústria une a capacidade de operação em tempo real com a tomada de decisão virtualizada, por meio da chamada Internet of Things (IoT) e da tecnologia Big Data. Dessa maneira, é possível ressignificar o nível e a qualidade da produção para patamares surpreendentemente mais elevados que os anteriores. A seguir, é possível compreender melhor a evolução deste processo ao longo do tempo:

Nesta tendência inserem-se os Sensores e Sistemas de Visão Industriais mais modernos, que apesar de serem conceitos mais antigos à Indústria 4.0 possuem uma proposta capaz de tornar mais ágil e inteligente uma linha produtiva por meio da Visão Computacional aliada à Inteligência Artificial.

Os Sistemas e Sensores de Visão são tecnologias que se integram em muito com a proposta trazida pela Indústria 4.0, já que oferecem um controle visual eficiente sobre determinado trecho da linha de produção, com a posterior tomada de decisão positiva ou negativa pelo Sistema. Assim, noções como Virtualização, Descentralização e Interoperabilidade, tão comuns à Quarta Revolução Industrial, são facilmente aplicáveis com estes dispositivos.

Ficou com alguma dúvida? Você pode compreender melhor o tema lendo mais artigos na nossa Biblioteca de Artigos sobre Sistemas de Visão.

contato@mvisia.com.br

(+55) (11) 4302-5902
(+55) (11) 98982-2399 (WhatsApp)

Villa Lobos Office Park
Avenida Queiroz Filho, 1700 – Torre C, sala 704
Vila Hamburguesa, São Paulo/SP. CEP: 05319-000

© 2022 Blog MVISIA. Todos os direitos reservados

contato@mvisia.com.br

(+55) (11) 4302-5902
(+55) (11) 989822399 (WhatsApp)



Villa Lobos Office Park
Avenida Queiroz Filho, 1700 – Torre C, sala 704
Vila Hamburguesa, São Paulo/SP. CEP: 05319-000


© 2022 Blog MVISIA. Todos os direitos reservados